MILWAUKEE

O Estado de Wisconsin, apesar de pouco visitado pelos brasileiros, tem muitos pontos turísticos a serem desbravados, especialmente nas cidades que ficam à beira do Lago Michigan.

A região foi densamente colonizada por europeus, tendo os alemães como maior presença, sendo esta a razão por sua arquitetura típica e paixão cervejeira.

Milwaukee não foge à regra, só que além da cultura cervejeira, ficou famosa também por seus ótimos queijos e salsichas.

Grande parte de suas atrações turísticas ficam concentradas em três bairros: o Historic Third Ward, polo gastronômico e etílico da cidade; East Town, com seus belos parques e museus; e Downtown, centro financeiro e comercial, sendo que todos são extremamente limpos, seguros e bonitos, adicionando-se o clima agradável do Lake Michigan e do Milwaukee River.

A locomoção pelos bairros pode ser feita a pé ou alugando uma bicicleta para aproveitar os mais de 150 quilômetros de ciclovias espalhadas pela cidade.

Como todas as atrações ficam muito próximas, nós fizemos quase todo o circuito a pé, sendo que vou falar um pouco de cada ponto que visitamos.

O único ponto que utilizamos carro, já que fica um pouco afastado do centro, foi na vista da BASILICA OF SAINT JOSAPHAT (2333 S 6th St, Milwaukee, WI 53215, EUA).

A bela e imponente igreja é a atração mais famosa da cidade segundo o site Trip Advisor.

O turista pode parar o carro em alguma das ruas do bairro e caminhar até a igreja. Infelizmente estava fechada quando fomos então só conseguimos tirar fotos externas.

Após a visita da basílica nós estacionamos o carro na Harbor Drive e caminhamos pela cidade em um roteiro que levou cerca de 4 horas para ser totalmente percorrido.

Começamos pelo LAKESHORE STATE PARK (500 N Harbor Dr, Milwaukee, WI 53202, EUA).

Parque extremamente bem cuidado, com trilhas para correr ou andar de bicicleta, que margeia o Lake Michigan e rende boas fotos em ambas extremidades, seja em sua face sul com o Milwaukee Pierhead Lighthouse e o American Family Insurance Amphitheater, seja com a bela vista do Discovery World ao norte.

Ao norte do parque, em uma curta caminhada, chegamos no belíssimo MILWAUKEE ART MUSEUM (700 N Art Museum Dr, Milwaukee, WI 53202, EUA).

A construção foi projetada pelo arquiteto espanhol Santiago Calatrava, sendo que o seu formato imita uma baleia deslizando pelo mar.

O museu tem elevador que leva o visitante até a sua passarela que liga diretamente ao Centro (Downtown) que fica um nível acima do lago.

Caminhamos por East Town observando sua bela arquitetura europeia contrastando com os prédios modernos construídos pelos norte americanos até chegarmos em Downtown, cuja fronteira margeia o Milwaukee River e seu agradável calçadão lotado de restaurantes e bares com mesas ao ar livre.

Ao lado de uma das várias pontes que cruzam o rio nós encontramos a estátua em tamanho natural do FONZIE, o famoso personagem da série de televisão Happy Days.

Conhecido como Bronzie Fonzie,  basta cruzar a Ponte da Wells Street para ver a estátua do lado esquerdo de quem vai para Downtown.

Um pouco antes da ponte, só que do lado direito, fica o famoso THE PABST THEATER (144 E Wells St, Milwaukee, WI 53202, EUA).

Acho que a fama não faz jus ao seu exterior, acredito que a visita interna seja mais interessante.

Após ficarmos por horas caminhando por esta agradabilíssima cidade, resolvemos voltar para o hotel e jantar no VIVERE ITALIAN RESTAURANT (1000 E Rawson Ave, Oak Creek, WI 53154, EUA).

Ambiente simples e agradável que faz ótima comida por preços justos. O pão caseiro servido na mesa é o melhor que já comi, delicioso para quem gosta de massa fofa e com muito miolo.

A sopa de entrada estava muito boa, bem preparada. Os pratos principais eram fartos e deliciosos. O meu filé à parmegiana, que serve duas pessoas tranquilamente, veio acompanhado de espaguete à bolonhesa.

Atendimento cordial e preços baixos.

No dia seguinte fomos ao MILWAUKEE PUBLIC MARKET (400 N Water St, Milwaukee, WI 53202, EUA).

O epicentro do boom gastronômico da cidade, apesar de pequeno, é muito agradável e com diversas opções de restaurantes, cafés e lojas para provar a excelente culinária local.

Nós chegamos bem cedo e conseguimos almoçar no restaurante mais famoso do Mercadão, o ST PAUL FISH COMPANY.

Posso garantir que fez jus à fama em nossa visita, portanto, recomendo almoçar na hora que abre ou ter paciência para aguardar desocupar uma das poucas mesas.

O atendimento foi muito eficiente e cordial. Tudo que comemos estava perfeitamente preparado, ponto alto para o lobster roll, com muita lagosta, e para o excelente crab cake.

Já que Wisconsin é o maior produtor de queijos dos EUA, tendo como expoente o colby cheese, que lembra muito o cheddar, tivemos que experimentar os famosos Cheese Curds no WEST ALLIS CHEESE & SAUSAGE SHOPPE.

Os cheese curds, que nada mais são do que queijo empanado e frito, estavam ótimos, assim como os caramelos caseiros que eles vendem no caixa. Há outras opções de lanches e porções.

Para os cervejeiros eu recomendo muito visitar ou provar as bebidas da LAKEFRONT BREWERY (1872 N Commerce St, Milwaukee, WI 53212, EUA).

A cervejaria, localizada em frente ao Milwaukee River, conta com excelente vista, tornando a experiência ainda melhor.

Não deixe de provar a IPA da casa, simplesmente sensacional, uma das melhores que já provei em minhas visitas cervejeiras.

Há muitas opções de passeios na região que levam 60 minutos, no máximo. Infelizmente não conseguimos fazer esses passeios, mas os blogs recomendam uma vista na belíssima Holy Hill – Basilica and National Shrine of Mary Help of Christians (1525 Carmel Rd, Hubertus, WI 53033, EUA) e na cidade de Madison, a capital do Estado de Wisconsin.

Ficamos hospedados no HOME 2 SUITES BY HILTON MILWAUKEE AIRPORT (5880 S Howell Ave, Milwaukee, WI 53207, EUA).

O hotel fica ao lado do aeroporto de Milwaukee, porém, não escutamos qualquer barulho de pouso e decolagem de aeronaves, o isolamento acústico é perfeito.

Os quartos são novos e amplos, com geladeira, microondas e diversos utensílios de cozinha. A internet é excelente e o estacionamento gratuito. O café da manhã é muito bom, com diversas opções. Atendimento cordial dos funcionários. Recebe nota máxima em seu nicho de mercado.

Milwaukee nos surpreendeu positivamente, queríamos ter ficado mais e visitado toda a região que a circunda, portanto, recomendo três dias completos para quem quiser esgotar todos os passeios.

Gostamos tanto da cidade que ficamos com vontade de voltar, tendo sido eleita uma de nossas favoritas em todo os EUA.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s